Jesus é o Único Mediador (Êxodo 32 e Números 20) Lição nº 36 em O que é Deus?


Jesus é o Único Mediador (Êxodo 32 e Números 20) Lição nº 36 em O que é Deus?
Neste plano de aula de Êxodo 32 e Números 20, as crianças aprenderão que Jesus é o Único Mediador.

Jesus é o Único Mediador (Êxodo 32 e Números 20) Lição 36 de O que é Deus?

GRUPO ETÁRIO: elementar (idades 6-11)
TEMPO NECESSÁRIO: 45 minutos

Esta é a lição 36 de 42 em nosso estudo sobre o Atributos de Deus chamado "Você pode me dizer como é Deus?" Visite o índice da série para ver todas as lições e obter mais ideias para usar este currículo no ministério de seus filhos.


LIÇÃO 36: Jesus é o único mediador

  • Verso Chave: “Porque há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens, o homem Jesus Cristo.” 1 Timóteo 2: 5
  • Passagem de Ensino: Êxodo 32 e Números 20
  • Textos de Apoio: 1 Timóteo 2: 5, Jó 9: 33-34 e Hebreus 7:25

Suprimentos Necessários:

Bíblias, atributo anterior dos cartazes de Deus, um grande pedaço de papel com as palavras Jesus é o único mediador escrito nele, verso chave (1 Timóteo 2: 5) impresso em um pedaço de papel, papel em branco e marcadores ou lápis de cor para cada criança do grupo.

Esboço da lição:

REVIEW Lições anteriores:

Peça a uma das crianças do grupo para lembrar o que você está aprendendo este ano. Lembre-os de que a cada semana estaremos olhando a Bíblia para responder à pergunta … “Você pode me dizer como é Deus?” E estará aprendendo uma das muitas verdades sobre Deus que vemos em Sua Palavra.

Reserve alguns minutos para revisar os atributos que você aprendeu anteriormente. Faça alguns movimentos e peça às crianças que digam que movimento você está fazendo e o que isso significa.

  • Deus é Todo-poderoso= Ele tem poder absoluto ou é todo poderoso
  • Deus é o Alfa e Ómega= Ele é o começo e o fim, o primeiro e o último
  • Deus é Impressionante = Ele inspira espanto e assombro
  • Deus é Compassivo = Ele mostra uma profunda preocupação por seu povo e um desejo de satisfazer suas necessidades
  • Deus é o Entregador = Ele é o salvador ou salvador
  • Deus é Exaltado = Ele é nobre, elevado e elevado
  • Deus é Fiel = Ele é confiável, confiável, fiel à Sua Palavra e cumpre suas promessas
  • Deus Perdoa = Ele concede perdão e cancela a dívida do pecado
  • Deus é Glorioso = Ele é cheio de glória (louvor, honra e distinção)
  • Deus é Boa = moralmente excelente, virtuoso ou justo
  • Deus é Gracioso = misericordioso, benevolente, gentil e compassivo
  • Deus Guias Seu Povo = Ele lidera, acompanha, auxilia e dá direção / orientação
  • Deus Cura = tornar saudável e inteiro e livre de doenças
  • Deus é piedosos = Ele é sem pecado, perfeito e separado
  • Deus é nosso Esperança = Ele é Aquele em quem nossas expectativas estão centradas
  • Jesus é Emanuel = Deus conosco
  • Deus é Juiz = Ele é aquele que governa e julga os outros
  • Deus é Somente = Ele é Aquele que é justo e faz o que é certo
  • Deus é Rei dos Reis e Senhor dos Senhores Ele é Aquele que governa os governantes
  • Jesus é o Cordeiro sem defeito Ele é o sacrifício perfeito para o pecado
  • Deus é Ame = Deus tem carinho terno e carinhoso pelo Seu povo
  • Deus é Majestoso = Deus é imponente, real, grandioso e elevado
  • Deus é Misericordioso = Deus é cheio de compaixão, compaixão e graça imerecida e amor por outro
  • Deus é Onipotente = Ele é onipotente ou infinito em poder
  • Deus é Onipresente = Ele está em todo lugar o tempo todo
  • Deus é Onisciente Ele sabe tudo
  • Deus é Um = o único deus
  • Deus Protege Seu povo = ele defende, guarda, cobre e protege seu povo
  • Deus é Íntegro Ele está sempre certo e sempre faz o que é certo
  • Deus é o rock = sólido, forte e oferecendo proteção
  • Deus fornece o PERFEITO SACRIFÍCIO para o pecado = Jesus é o presente ou pagamento que pagou pelo nosso pecado
  • Deus Salva = para resgatar do perigo
  • Deus Pastores Seu povo = Ele cuida, protege e cuida de Seu povo
  • Deus é um Escudo= Ele esconde, esconde e protege o seu povo (através do sangue de Jesus)
  • Deus é Soberano = Ele governa tudo

MÉDICO-MEDIADOR:

Introduzir atributo para a semana, dizendo que por causa do nosso pecado, precisamos de um mediador ficar entre nós e Deus, mas precisamos de um mediador que não falha e se mata. Então, Jesus veio ao mundo e viveu a vida perfeita que nós não poderíamos viver e morreu a morte que nós merecemos pelo nosso pecado. Ele tomou o seu lugar entre nós e Deus. Ele pagou o preço pelo nosso pecado e serve como o mediador perfeito que nos permite estar na presença de Deus.

Tell tirado de Êxodo 32: 1-21 e Números 20 em suas próprias palavras, parando para ler diretamente do texto quando indicado.

Apresente a história lendo um cronograma rápido da Bíblia para mostrar às crianças onde estamos na história. Lembre-os de que Deus criou um mundo perfeito e criou pessoas para estar em perfeita relação com Ele, mas que essas primeiras pessoas (Adão e Eva) quebraram a lei de Deus e O desobedeceram e o pecado veio ao mundo. Porque eles pecaram, Deus teve que punir Seu povo e o castigo estava enviando-os para fora de Sua presença. Desde então, todas as pessoas continuaram exatamente como Adão e Eva e desobedeceram a Deus e pecaram. O tempo passou e Deus escolheu Abraão para ser o começo de sua família. Abraão teve um filho chamado Isaque. Isaque teve dois filhos, Jacó e Esaú. Jacó teve 12 filhos, um deles foi José, que foi vendido como escravo para o Egito, depois foi capaz de proteger sua família e trazê-los para o Egito. O povo de Deus cresceu no Egito e se tornou escravo e, em seguida, cerca de Deus levantou Moisés para liderar Seu povo da escravidão no Egito e para a terra prometida. A história de hoje acontece enquanto o povo de Deus está a caminho da terra prometida.

Explique que Deus deu a Moisés um emprego especial quando se tratava de liderar o povo. Moisés era a única pessoa que falaria com Deus em nome do povo. Deus diria a Moisés o que Ele queria que o povo fizesse e Moisés contaria ao povo. Deus chamou Moisés para a montanha para se encontrar com ele. Enquanto estava na montanha, Deus deu a Moisés a lei para o povo, Ele disse a Moisés como construir o tabernáculo e explicou como o Seu povo deveria ser santo e separado das pessoas nas terras ao redor deles. Moisés ficou na montanha por um longo tempo e o povo de Deus ficou inquieto.

LEIA Êxodo 32: 1-6

Deus disse a Moisés para descer a montanha e ver o que o Seu povo estava fazendo. Ele disse a Moisés que o povo havia feito um ídolo e estava adorando-o. Deus disse a Moisés que Ele iria destruir o povo por causa de sua pecaminosidade e que Ele recomeçaria com Moisés. MAS, Moisés lembrou que Seu trabalho era falar pelo povo quando eles estavam em apuros, então ele falou com Deus e pediu-lhe para não destruir o povo. Moisés lembrou a Deus como Ele havia resgatado o povo do Egito e as promessas que Ele fez para eles. Ele disse a Deus que se ele destruísse o povo, os egípcios diriam que a única razão pela qual ele os resgatou foi matá-los. Moisés implorou a Deus que não destruísse o povo e que Deus ouviu seu clamor e não os destruiu.

Moisés desceu a montanha, destruiu seu ídolo e fez o povo beber água com as cinzas do bezerro de ouro para sua punição.

Algum tempo se passou e Moisés continuou a liderar o povo e falar com Deus em seu nome.

LEITURA Números 20: 1-11

O que vemos nessas duas histórias, em ambas as histórias, Moisés serve como mediador entre Deus e Seu povo. Moisés fala a Deus em nome do povo e Deus fala a Moisés em nome do povo. Moisés representa as pessoas na presença de Deus. Na primeira história, quando Moisés pediu a Deus que perdoasse o povo, Deus o fez. Mas, como vimos na segunda história, porque Moisés era um homem assim como o resto do povo, ele também era um pecador e, portanto, não era o mediador perfeito entre Deus e Seu povo e tinha que ser punido por seu pecado por não entrando na terra prometida. Outro mediador era necessário para ficar entre o Deus Santo e o homem pecador.

DEFINIR E LEMBRAR:

Para ajudar as crianças a lembrar essa verdade sobre Deus, reserve alguns minutos para definir o atributo.

MEDIADOR = UM QUEM ESTÁ ENTRE E TRAZ ACORDO

Como os movimentos e ações ajudam as crianças a lembrar, escolha uma ação para MEDIADOR. Um bom movimento pode ser colocar os braços para cima de ambos os lados da cabeça e mover a mão entre os braços (entre os dois lados).

Jogar um jogo para ajudar a entender o atributo. Divida as crianças em grupos de 3 e fique com 2 de frente uma para a outra e a 3ª entre as 2. Uma das crianças em uma das extremidades dirá à criança do outro lado para fazer alguma coisa, mas elas terão que falar através do meio (o mediador). Aquele que dá as instruções sussurrará no ouvido do mediador que dirá “_______ diz para ________”. Deixe as crianças terem uma volta no final e ser o mediador.

VERSO DA MEMÓRIA:

DIZER: "Esta manhã estamos falando sobre a verdade de que Jesus é o único Mediador entre Deus e o homem. Um "mediador" é alguém que fica entre duas pessoas ou grupos de pessoas que estão em desacordo e as ajuda a chegar a um acordo com o qual ambas possam conviver.

No caso de Jesus, a Bíblia nos diz em 1 Timóteo 2: 5 qual é nosso verso chave para a semana que Jesus é o mediador entre o deus e o homem. Por que precisamos de um mediador? Qual foi o desacordo entre Deus e o homem de que nunca poderíamos trabalhar sozinhos?

A razão pela qual precisamos de um mediador é porque somos pecadores e Deus é santo. Um Deus Santo não pode estar na presença de pessoas pecadoras e não há nada que nós, como pessoas pecaminosas, possamos fazer sozinhos para nos livrar de nossos pecados. Então, Jesus veio como o mediador – Aquele que se colocaria entre nós e Deus e receberia a punição que nós merecemos. ”

Peça às crianças que expliquem o que nos separa de Deus e o que Jesus fez como mediador.

Leia o verso da memória (1 Timóteo 2: 5) algumas vezes juntos e fazer o movimento para salvar.

CONEXÃO CRUZADA:

Como vimos nas histórias que olhamos hoje, todos nós precisamos de um mediador ficar entre nós e Deus. Por causa do nosso pecado, nenhum de nós pode ficar na frente de um Deus Santo sem ser destruído da maneira que Deus disse a Moisés que Ele destruiria as pessoas em Êxodo 32. E, por causa do nosso pecado, nós merecemos ser destruídos. Precisamos de alguém para mediar entre nós e Deus e para remover a ira de Deus de nós (Jó 9: 33-34). A incrível notícia da Bíblia é que Jesus é o verdadeiro mediador. Ele é o único que poderia ficar entre nós e Deus porque Ele é o único que foi capaz de levar o castigo que merecemos e morreu em nosso lugar como o sacrifício perfeito pelo nosso pecado. No lado esquerdo de um pedaço de papel, escreva o pecado e tenha os pecados do nome do garoto que são comuns a eles. No lado direito da página escreva Deus. No meio, desenhe uma cruz grande. Fale através do desenho mostrando às crianças como o homem pecador e o Deus santo estão completamente separados e como não há nada que possamos fazer sozinhos para preencher a lacuna, mas que o Filho único de Jesus – Deus veio à Terra e tomou nosso lugar e morreu. morte que nós merecemos.

REVEJA:

Dê a cada criança um pedaço de papel em branco para fornecer marcadores ou lápis de cor. Incentive-os a escrever a palavra mediador em algum lugar do papel e depois escreva ou desenhe algo para ajudá-los a lembrar-se desse atributo de Deus. Eles poderiam escrever a definição para o mediador ou o verso da memória ou poderiam ilustrar a história. Depois de alguns minutos, reúna o grupo e dê às crianças tempo para compartilhar o que desenharam ou escreveram.

ORAÇÃO:

Ore para que as crianças do grupo passem a conhecer Deus mais e mais a cada semana através deste estudo e que eles se lembrem de que todos nós somos pecadores que precisam ser salvos e que eles se voltariam para esse bom Deus para a salvação. Graças a Deus por enviar Jesus para ficar em nosso lugar e morrer nossa morte na cruz.

O post Jesus é o único mediador (Êxodo 32 e Números 20) Lição nº 36 em O que é Deus? apareceu primeiro em Ministry-To-Children.



Source link

Receba Estudos Bíblicos Diretamente no Seu Email! É Grátis!

Estamos com o PROPÓSITO de escrever um artigo POR DIA sobre um livro da bíblia. 

SE INSCREVA E RECEBA PALAVRAS DE BENÇÃO!

 

Equipe Blog de Crente

O Blog de Crente surgiu de duas necessidades: Ampliar o alcance do evangelho de Jesus Cristo e ser uma opção de estudos bíblicos e qualidade e enriquecedores.

Website:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *